Investimento com segurança

Por JB Negócios 15/07/2016 - 17:56 hs

Imóvel na planta: segurança e garantia de valorização

 

Comprar um imóvel na planta, com planos de revenda na entrega das chaves, está se tornando prática comum no mercado imobiliário do litoral de Santa Catarina. Segundo Secovi/SC, a valorização, neste tipo de investimento, chega a 30%, após 30 meses, período previsto para a construção total de um empreendimento.

Como exemplo um imóvel que, vendido por R$ 300 mil na planta, valerá de R$ 450 mil a R$ 520 mil, após 30 meses e pronto. "Se o cliente quiser repassar o imóvel, ele pagará R$ 100 mil nas prestações, sem juros, até as chaves e o apartamento dele estará valendo até R$ 520 mil", explicou o diretor do sindicato da Habitação.

A tendência de mercado, para quem enxerga no imóvel um ativo, é que a valorização na planta continue, mesmo em época de crise financeira, até porque o mercado já demonstra uma leve reação e imóveis apresentam alta rentabilidade e segurança frente a outros investimentos.

Segundo o setor imobiliário, a vantagem do imóvel na planta é a flexibilidade na escolha do financiamento, o parcelamento até a entrega das chaves e possibilidade de personalizar a área interna.

 

Tem repasse com três meses 

O apelo da valorização do imóvel na planta está tão irresistível que tem gente comprando no lançamento e repassando a unidade de dois a três meses após a aquisição. Investidores com esse perfil não faltam.

"Três meses após o lançamento já começa com uma valorização dependendo dos prazos e a pessoa solicita a revenda do apartamento", afirmou os diretores da LTR EMPREENDIMENTOS, de Itajaí.